1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Economia

BC alemão pensa em trocar parte de seu ouro por ações

Até 2004 o Banco Central alemão poderá vender até 2 mil toneladas de ouro de suas reservas.

default

Barras de ouro do BC alemão

O Banco Central alemão cogita transformar suas reservas de ouro em ações. Seu presidente, Ernst Welteke, não excluiu a troca de uma parte das reservas nos próximos anos. "A médio prazo temos que pensar em trocar aos poucos uma parte do ouro por títulos de valor", disse Welteke ao jornal Frankfurter Allgemeine.

O BC alemão tem 3500 toneladas de ouro, no valor de 35 bilhões de euros e divisas no valor de 50 bilhões de euros. Assim como os outros 14 bancos centrais de países da União Européia, o BC alemão comprometeu-se, em setembro de 1999, a desfazer-se de no máximo 2 mil toneladas de suas reservas de ouro dentro de cinco anos, mas de forma a não provocar uma queda excessiva de preços no mercado.

Dos bancos europeus, o alemão é um dos que ainda não colocou nada à venda. Alguns especialistas consideram muito elevada a reserva, alegando que com a introdução do euro não é preciso tanto para sustentar a cotação da moeda.

Reforma do BC - Na sexta-feira passada (22), o Conselho Federal (Bundesrat), a segunda câmara do Legislativo alemão, aprovou a lei de reforma do Banco Central alemão, que passou várias de suas competências ao Banco Central Europeu (BCE), ao qual serviu de modelo. A lei, que entra em vigor em 1º de maio, institui uma direção de oito membros, quatro a serem nomeados pela União e quatro pelos estados.

Para Ernst Welteke, não há necessidade de o Banco Central Europeu mudar sua política de juros na zona do euro. A expectativa de um reaquecimento da conjuntura, por enquanto, se baseia mais na esperança do que em fatos.

O presidente do BC alemão, que integra o conselho do BCE, chamou a atenção para os preços do petróleo e aumentos salariais, que citou como fatores de risco para a estabilidade monetária. Nesta segunda-feira, o Sindicato dos Metalúrgicos iniciou a primeira greve de advertência para impor sua reivindicação de 6,5% de aumento salarial.

O índice de inflação na zona do euro em março pode haver subido ligeiramente por causa da circulação do euro no início do ano, calcula Welteke. O Departamento Federal de Estatísticas anunciou hoje (25 ) que a taxa anual na Alemanha subiu de 1,7%, em fevereiro, para 1,8% em março. No entanto, a principal razão do aumento foi a alta do preço do petróleo e dos combustíveis.