1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Futebol

Bayern perde Liga dos Campeões nos pênaltis

Munique está de luto. Apesar de incontestável superioridade dentro de campo e de jogar em casa, o Bayern de Munique não conseguiu vencer o Chelsea na final da Liga dos Campeões. Clube de Londres levou o título.

Jogando em casa, o Bayern de Munique fracassou em alcançar seu grande objetivo. Após empate de 1 a 1 contra o Chelsea no tempo regulamentar e na prorrogação, o clube alemão foi derrotado por 3 a 4 nos pênaltis, perdendo, assim, sua segunda final da Liga dos Campeões em dois anos.

O Bayern foi superior ao time britânico durante toda a partida e poderia ter decidido o jogo logo no primeiro tempo. Ao perder um pênalti, Bastian Schweinsteiger se tornou o herói trágico da decisão.

Do lado do Chelsea, a euforia parecia não ter limites. Para a equipe londrina, esse foi o primeiro título no torneio.

Bayern superior

Diante de 62.500 espectadores, que lotaram o estádio Allianz Arena, em Munique, os bávaros começaram pressionando e tiveram boas oportunidades logo no início, enquanto o Chelsea se recolheu, tentando aproveitar bolas longas, lançadas ao atacante Didier Drogba. As primeiras oportunidades para os alemães apareceram nos pés de Arjen Robben, cujo chute foi desviado pelo goleiro Petr Cech, aos 21 minutos, e por Mario Gomez, que mandou a bola por cima do travessão ao arrematar de curta distância, aos 42 minutos.

Champions League Finale Mai 2012 FC Bayern München gegen FC Chelsea

Equipe alemã festeja o 1 a 0 de Thomas Müller aos 38 minutos do segundo tempo

Depois do intervalo, o Bayern continuou pressionando e perdeu as melhores chances. O Chelsea permanecia quase que exclusivamente recuado, esperando. Só nos 38 minutos do segundo tempo, Thomas Müller conseguiu fazer o 1 a 0 de cabeça. Müller, no entanto, se beneficiou da sua má técnica. Só porque a bola bateu mais com seu rosto do que na testa, a bola foi para o rede quase na vertical, sem dar chance ao goleiro.

Ingleses vencedores

Chelsea tinha que fazer algo e, por isso, finalmente se aventurou para a frente, o que foi prontamente recompensado. Após um escanteio, Didier Drogba fez de cabeça o gol de empate dos britânicos, aos 43 minutos do segundo tempo, levando a partida para a prorrogação. Poucos minutos depois, o mesmo Drogba fez uma falta desnecessária em Franck Ribéry dentro da grande área. O bom árbitro português Pedro Proença imediatamente marcou o pênalti, cuja cobrança foi desperdiçada por Robben. O Bayern estava com azar.

Champions League Finale Mai 2012 FC Bayern München gegen FC Chelsea

Goleiro Manuel Neuer encosta na bola, mas não defende gol de cabeça de Drogba

O Chelsea se tornou mais ativo, mas os anfitriões continuavam a equipe dominante. No final da prorrogação, o placar ainda era de 1 a 1 e a decisão teve de ir para os pênaltis. E nela o jogador da seleção alemã Bastian Schweinsteiger se tornou o herói trágico. Depois de o goleiro Manuel Neuer ter segurado uma bola e convertido um gol, o Bayern estava em vantagem. Ivica Olic teve seu chute defendido por Cech e Schweinsteiger também não conseguiu converter a quinta cobrança para o Bayern: a bola bateu na trave. Em seguida, Drogba converteu o pênalti decisivo, em seu último jogo para Chelsea, levando a torcida britânica ao delírio.

O Bayern é o primeiro clube a perder uma final da Liga dos Campeões em casa. O palco da final é sempre decidido com anos de antecedência. Esta foi a primeira vez que uma equipe jogou a decisão do torneio em seu próprio estádio.

Autor: Andreas Sten-Ziemons (md)
Revisão: Soraia Vilela

Leia mais