1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Esporte

Bayern de Munique está de fora da Liga dos Campeões

Acabou cedo a esperança da torcida alemã de ver um time do país conquistar a Liga dos Campeões. Com a derrota para o Real Madri, nas oitavas-de-final, o último clube alemão que ainda estava no páreo foi eliminado.

default

Zé Roberto, do Bayern de Munique, e seu adversário Esteban Cambiasso, do Real Madrid

"Zidane eliminou o Bayern". Com esta manchete a revista alemã Kicker, especializada em futebol, resumiu o resultado da partida entre o Real Madrid e o Bayern de Munique, disputada na noite de quarta-feira (10/03). O gol marcado pelo craque do time espanhol, aos 32 minutos do primeiro tempo. Foi o que bastou para eliminar a equipe alemã da Liga dos Campeões nas oitavas-de-final.

Com o placar de 1 a 1 no jogo de ida, a vantagem de gol neste jogo de volta era imprescindível para que o Bayern pudesse continuar no páreo desta competição que reúne times europeus de peso.

"A decepção é grande", desabafou o técnico Ottmar Hitzfeld. "Não apenas porque fomos desclassificados mas porque não mostramos o mesmo desempenho da partida de ida. Na ocasião, jogamos com mais garra. Agora tentamos ser mais audaciosos mas não conseguimos nos impor".

Apesar de seu desapontamento, Franz Beckenbauer, presidente do Bayern de Munique, afirmou que não é vergonha nenhuma perder para o Real Madrid. "No primeiro tempo fizemos pouco. No segundo estávamos bem melhor. Se analisarmos o jogo como um todo, o Real Madrid mereceu a vitória", reconheceu o Kaiser.

Outra derrota

O Bayern de Munique foi o último time alemão a cair fora da Liga dos Campeões, mas não foi o único a ser eliminado nas oitavas-de-final. A outra esperança da torcida alemã, o Stuttgart, acabou sendo desclassificado pelo Chelsea na noite de terça-feira (09/03).

No jogo de ida, o Stuttgart ficou em desvantagem com a derrota por 1 a 0 para o Chelsea, por causa de um gol contra marcado aos 12 minutos pelo jogador Meira. O time suábio precisava reverter o placar no jogo de volta mas não conseguiu superar o Chelsea. Resultado: 0 x 0 e a desclassificação.

"É claro que estou decepcionado", admitiu o presidente do Stuttgart, Erwin Staudt, "mas nós conseguimos chegar além da expectativa inicial". O goleiro Timo Hildebrand não vê motivos para lamentos. Para ele, o importante é programar o futuro. "Agora temos que pensar em garantir a classificação para a próxima Liga dos Campeões. E aí teremos uma nova chance", calcula o atleta do Stuttgart.

Pensar no futuro

O baixo desempenho dos times alemães, em comparação com os grandes clubes europeus, preocupa os cartolas. Assim como na Liga dos Campeões, os alemães fracassaram na Copa da Uefa, não passando sequer da segunda fase.

Para Franz Beckenbauer é chegado o momento de pensar no futuro do futebol alemão. O técnico Felix Magath, do Stuttgart, aponta a necessidade de um incremento maior ao incentivo dos novos talentos, tanto nas escolinhas de futebol quanto nos clubes.

Leia mais