1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Esporte

Bayern de Munique demite técnico Felix Magath

Sem perspectivas de conseguir o título na atual temporada, o supercampeão alemão demite Felix Magath e convoca seu antecessor, Ottmar Hitzfeld. Já Jupp Heynckes, do Mönchengladbach, se antecipa e pede demissão.

default

Despedido: Felix Magath treinou os bávaros durante dois anos e meio

Em questão de horas, vagaram nesta quarta-feira (31/01) as cadeiras dos técnicos de dois clubes tradicionais da Bundesliga. A diretoria do Bayern de Munique anunciou à tarde sua decisão de desligar-se de Felix Magath e convocar para o cargo, até o final da temporada, seu antecessor, Ottmar Hitzfeld. Apenas algumas horas antes, o técnico do Borussia Mönchengladbach, Jupp Heynckes, antecipara-se a uma eventual decisão do clube e anunciara sua demissão.

Borussia Mönchengladbach, Trainerwechsel

Demitiu-se: Jupp Heynckes

Em ambos os casos, a causa foi a má performance dos times, em especial no returno do Campeonato. O clube da capital da Baviera, atual campeão alemão, não conseguiu mais que um ponto em dois jogos, tendo perdido para o Borussia Dortmund por 3 a 2, na sexta-feira (26/01), e encerrado a partida contra o Bochum – ameaçado de rebaixamento –, nesta terça-feira, com um magro 0 a 0. Heynckes pendurou as chuteiras após o 0 a 0 contra o Nürnberg, o 12º jogo consecutivo sem vitória na atual temporada.

Bayern sem chances

Após a decepcionante atuação de sua equipe na partida contra o Bochum – que valeu a queda dos campeões para a quarta posição na tabela –, o próprio Magath, 53 anos, havia desfeito qualquer ilusão em relação ao torneio da Bundesliga. "Nem é preciso falar mais sobre o título", disse ao fim da partida, declarando a qualificação para a Liga dos Campeões como nova meta da temporada: "para nós a questão agora é nos manter na frente. Precisamos nos esforçar para conseguir o segundo ou o terceiro lugar".

Mas os dirigentes não quiseram esperar para ver. "Como responsáveis pelo clube, precisamos ver a situação atual e reagir a ela. O que nos levou a esta decisão hoje foi a preocupação com a qualificação para a Liga dos Campeões na próxima temporada", declarou o presidente do clube, Karl-Heinz Rummenigge. "Lamentamos este passo. Felix Magath realizou nos últimos dois anos e meio um trabalho muito bom no Bayern de Munique, com êxitos sensacionais, sobretudo a conquista dupla dos títulos alemães [Campeonato e Copa da Alemanha] em dois anos", disse ainda.

Bayern München: Ottmar Hitzfeld ist neuer Trainer

Retoma o comando no Bayern: Ottmar Hitzfeld

O contrato com Magath tinha sido prorrogado no início da temporada por um ano, até 20 de junho de 2008. Na busca por um salvador, a escolha recaiu sobre Ottmar Hitzfeld, 58 anos, que treinou o clube de 1998 a 2004 e conquistou com os bávaros o título na Liga dos Campeões em 2001. Hitzfeld foi contratado ate 30 de junho.

Fim de carreira para Heynckes

Jupp Heynckes, 61 anos, que havia sido contratado pelo Borussia Mönchengladbach no início da temporada, tomou sua própria decisão e entrou com o pedido de demissão na manhã desta quarta-feira, apenas 12 horas após o empate sem gols contra o Nürnberg. Sua despedida da equipe foi "muito emocional", segundo o diretor esportivo do clube, Peter Pander. "Não havia dissonâncias entre ele e o time", afirmou.

Termina assim a carreira de um dos grandes técnicos alemães. Heynckes conquistou com o Bayern de Munique o título no Campeonato Alemão em 1989 e 1990 e com o Real Madri a Liga dos Campeões em 1998, seu maior sucesso. Já antes da atual temporada, ele havia deixado claro que o Borussia Mönchengladbach seria a última estação de sua carreira. Pelo menos até apróxima partida, contra o Arminia Bielefeld, ele será substituído por seu assistente Jos Luhukay. (lk)

Leia mais