1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Esporte

Bayern à frente, devagar e sempre

O Bayern mantém a liderança da Bundesliga, agora três pontos à frente do Schalke. Apesar de o escândalo de corrupção envolvendo árbitros da Bundesliga ter se acalmado, os juízes continuam na mira dos técnicos e torcidas.

default

Pênalti que garantiu o 1º gol do Bayern contra o Bayer Leverkusen: no mínimo controverso

O Bayern de Munique não deixou escapar a chance de assegurar a liderança da Bundesliga. Com uma vitória de 2 a 0 contra o Bayer Leverkusen, os bávaros aumentaram a vantagem em relação aos demais times da tabela. "Três pontos não são muito, mas pelo menos um pouco mais do que tínhamos até agora", declarou reservado o técnico Felix Magath.

Contra o relógio: Apito só depois do gol

Embora o escândalo dos juízes comprados não tenha tido muita repercussão nos últimos dias, a atuação dos árbitros se manteve no centro das atenções. O juiz Michael Weiner apitou um pênalti altamente controverso para o Bayern. E o Schalke, segundo da tabela, também tirou proveito de uma decisão bastante polêmica. Apesar de já terem passado os previstos dois minutos-extra de jogo, o árbitro Helmut Fleischer só apitou o final após o gol de empate de Aílton, no 93º minuto, sendo acusado de roubo pelo Hansa Rostock. "Se vocês não quiserem a gente na Bundesliga, é só dizer", reclamou o presidente do clube, Manfred Wimmer.

Após empate de 1 a 1 com o Kaiserslautern, o Stuttgart, terceiro da tabela, só está um ponto à frente do Werder Bremen. Apesar de o Kaiserslautern só ter jogado com dez após o cartão vermelho de Lucien Mettomo, aos 12 minutos do segundo tempo, os suábios – que tinham aberto o placar – não conseguiram conquistar a vitória. Isso foi o que mais irritou o técnico Matthias Sammer: "Não para perder a chance num jogo contra dez: a gente teria que ter estourado na frente".

Japonês e paraguaio brilham

Mesmo sem Marcelinho, o Hertha conseguiu ganhar de 3 a 0 do Mainz, com dois gols de Yildiray Bastürk em grande estilo. O Bochum ainda não perdeu as esperanças, mas não foi desta vez que conseguiu melhorar sua classificação; todos os esforços só renderam um empate de 1 a 1 com o Arminia Bielefeld.

Forte no ataque, como nos velhos tempos, o Borussia Mönchengladbach conseguiu empurrar o Freiburg para o penúltimo lugar na tabela e se manter invicto, com uma vitória de 3 a 2 em casa. Todavia, o exigente técnico holandês, Dick Advocaat, não se deu por satisfeito: "Temos que ficar mais espertos".

Há muito técnico que daria tudo para ter jogadores como Naohiro Takahara e Lars Ricken em seu time. Ambos brilharam com dois gols cada nesta 20ª rodada da Bundesliga. O craque japonês ajudou o Hamburgo a ganhar do Nurembergue de 3 a 1 e o alemão de Dortmund colaborou para tirar o Borussia Dortmund da crise, garantindo um placar de 3 a 1 contra o Hannover. O Werder Bremen está sete pontos atrás do líder da tabela. Mal tinha entrado em campo, três minutos antes do fim de jogo, o paraguaio Nelson Valdez desempatou o placar, garantindo ao Werder uma vitória de 3 a 2 contra o Wolfsburgo.

Leia mais