1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Música

Banda alemã Seeed se apresenta com Criolo em São Paulo

Com mix de dance-hall, reggae, ragga e hip hop, banda de Berlim toca pela primeira vez no Brasil. Show no Ibirapuera terá músicas lançadas esta semana e participação de Criolo: "Nos encontramos enquanto sonoridade."

Tambores, aparatos eletrônicos, ritmos da Jamaica e performances com ternos elegantes tornaram a banda Seeed um dos principais destaques do cenário musical da Alemanha. O combo multiétnico formado na parte oriental de Berlim reúne no palco 17 músicos que fazem o público vibrar com batidas inusitadas.

O grupo faz sua primeira turnê pela América Latina e desembarca em São Paulo para o primeiro show neste sábado (24/05) no Auditório Ibirapuera. O MC, cantor e compositor brasileiro Criolo, aclamado no Brasil e na Europa, é o convidado especial.

"Eles desenvolvem uma musicalidade muito interessante, e [o fato de] citarem meu nome é muito bacana. Isso pra mim já é uma felicidade geral. É algo diferente, mas muito bem-vindo", disse Criolo à DW Brasil.

Ele e a banda vão se encontrar um dia antes do show para definir os detalhes da apresentação. Seeed já ensaiou em Berlim o arranjo de Samba sambei, sucesso do álbum Nó na orelha (2011), que já rendeu a Criolo mais de dez prêmios. O músico brasileiro, por sua vez, irá cantar Waterpumpee, hit da banda que mistura inglês e alemão. E o show reserva ainda mais surpresas.

"A música nos une e temos muita coisa para trocar. A gente se encontrou enquanto sonoridade e agora vai ter um encontro físico. Eu acho que vai ser algo bem interessante", conta Criolo.

Brasilianische Sänger Criolo

Criolo: "Na Alemanha, os caras têm uma história linda e agora a gente vai se encontrar. Isso é demais."

O grupo alemão vai apresentar ao público o álbum homônimo SEEED (2012), homenageado com disco de platina pela Warner Music na Alemanha, Áustria e Suíça.

A playlist conta com os sucessos Aufstehn,Ding, You and I,Molotov e Dickes B., hit que faz uma homenagem a Berlim. A música Augenbling será apresentada em um novo formato, com ainda mais batidas de hip hop.

"Vai ser uma grande aventura. Toda a ansiedade que estamos sentindo vai transmitir uma energia ótima. Vamos fazer uma lista bem alegre para o público dançar. Algo bem latino", adianta o baixista Tobias Cordes, alemão que já viveu no Brasil. "Para mim é muito especial, porque o meu filho nasceu no Brasil. Eu sempre coloco músicas brasileiras para ele escutar."

Quem for ao show também irá conferir duas novas faixas da banda que serão lançadas em EP nesta terça-feira (20/05) no iTunes: Cherry Oh e Waiting.

De terno

Desde o primeiro disco New Dubby Conquerors (2001), a banda Seeed faz uma colagem de batidas eletrônicas com reggae. Todos se apresentam de terno – não importa a temperatura. Berlim, o muro e clubes da capital alemã são alguns dos principais cenários dos clipes. São três vocalistas – Frank Dellé, que tem raízes em Gana, Demba Nabé, cujos pais vêm da Guiné, e Peter Fox, alemão. As composições são escritas em alemão, inglês e patoá jamaicano.

A banda tem ainda três MCs, um DJ (de origem coreana), dois sopros, integrantes do grupo de percussão norte-americano Cold Steel e um percussionista 100% jamaicano. "Desde que tivemos a ideia de criar um 'reggae alemão', nossa mensagem mais importante é a alegria", afirma Cordes.

Durante o ensaio com Criolo nesta sexta-feira, Seeed quer elaborar uma mensagem sobre a Copa do Mundo, que considera ter tanto aspectos bons quanto também ruins. "A gente achou o Criolo especial porque ele tem outra forma de escrever canções e de fazer os shows. É uma pessoa profunda. Penso que devemos ter muitos pontos em comum e vamos passar isso para o público."

Ouvir o áudio 00:16

Para Criolo, a mensagem de mudança é um ponto de identificação entre ele e os membros do Seeed. "Eu sou filho de um pai metalúrgico e de uma mãe benzedeira. Desde que eu me entendo por gente, eu vejo no olhar dos meus pais esse sentimento de querer mudança e isso se extravasa na música", diz. "Essa linguagem de querer o bem faz com que as pessoas se comuniquem, não importa a língua. Na Alemanha, os caras têm uma história linda e agora a gente vai se encontrar. Isso é demais. A arte nos proporciona alguns milagres em vida."

O show gratuito começa às 19h deste sábado na plateia externa do Auditório Ibirapuera, na Zona Sul de São Paulo e faz parte da Temporada Alemanha+Brasil. Depois da apresentação no Brasil, Seeed segue para dois shows no México – em Guadalajara (28/05) e Cidade do México (29) – e, no dia 31, desembarca em Bogotá, na Colômbia, para a última apresentação da turnê pela América do Sul.

Leia mais