1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Economia

Banco anuncia prejuízo sob rumores de corte de empregos

Banco alemão de capitais públicos registra prejuízo de 1 bilhão de euros. Injeção de capital é anunciada pelos acionistas institucionais do WestLB, enquanto crescem boatos sobre corte de postos de trabalho.

default

Central do WestLB, em Düsseldorf: futuro incerto

"Não há planos de redução de 2 mil funcionários", declarou um funcionário do WestLB nesta segunda-feira (21/01), ao revidar os rumores disseminados pela mídia alemã de que o banco estaria planejando um corte drástico em seus quadros. Mesmo assim, o porta-voz confirmou as intenções de "redução de custos" no setor dos recursos humanos e um "pacote de medidas", a serem implementadas no primeiro trimestre deste ano. A anunciada injeção de possivelmente 2 bilhões de euros de capital deverá ser arcada principalmente pelas caixas econômicas e pelo estado da Renânia do Norte-Vestfália. A meta é sanear as finanças do terceiro maior banco público do país. Além da perda de 1 bilhão de euros em 2007, o WestLB deverá reduzir o valor de seus aditivos em aproximadamente 1 bilhão de euros. Até agora, era esperada uma redução menor, na casa dos milhões de euros. Reestruturação Depois da planejada injeção de capital, os acionistas institucionais anunciam uma reestruturação interna do banco. "Eles defendem uma continuação das negociações entre o WestLB e o Helaba [Banco Estadual de Hessen], a fim de contribuir ativamente para a estabilização no setor bancário estadual", explica o porta-voz do WestLB. Crises e especulação A crise no banco foi desencadeada por especulações com ações de grandes empresas alemãs e pelas turbulências do mercado financeiro nos EUA, que se fizeram sentir no balanço anual do banco. No momento, os acionistas institucionais do WestLB discutem quem irá arcar com a maior parte da injeção de dinheiro anunciada: se as caixas econômicas e conselhos regionais – detentores de 51% do banco – ou o estado da Renânia do Norte-Vestfália, proprietário de 38% do WestLB. (sv)

Leia mais