1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Mundo

Avião iraquiano bombardeia acidentalmente Bagdá

Bomba transportada pelo caça ficou presa devido a um problema técnico e caiu na viagem de volta à base, afirma militar. Explosão em área residencial deixa ao menos 12 mortos, incluindo três crianças.

default

Bomba atingiu casas no bairro de Nova Bagdá

Um avião militar iraquiano bombardeou sem querer uma zona residencial de Bagdá nesta segunda-feira (06/07), matando ao menos 12 pessoas, segundo autoridades iraquianas. A aeronave, uma das muitas usadas pelo Iraque na luta contra o grupo extremista "Estado Islâmico" (EI), estava retornando a uma base militar quando o acidente aconteceu.

Segundo um porta-voz militar, uma falha técnica provocou o bombardeio, que atingiu várias casas no bairro de Nova Bagdá, no leste da capital. De acordo com ele, uma das bombas transportadas pelo avião ficou presa devido a um problema técnico e caiu na viagem de volta.

Três crianças e duas mulheres estão entre os 12 mortos, disseram duas autoridades em condição de anonimato. Ao menos 25 pessoas ficaram feridas, afirmaram.

O Iraque passa pela sua pior crise desde a retirada das tropas americanas do país, em 2011, com o EI controlando grandes áreas no norte e no oeste. Tropas e jatos iraquianos, apoiados sobretudo por combatentes xiitas, têm lutado contra os extremistas.

No ano passado, o Iraque recebeu caças Sukhoi Su-25, de fabricação russa – mesmo tipo do responsável pelo acidente desta segunda-feira – para combater o EI. Os Estados Unidos concordaram em vender ao Iraque 36 caças F-16, mas até agora não entregaram nenhum.

LPF/rtr/ap/lusa

Leia mais