Autoridades belgas confirmam 18 mortes em colisão de trens | Notícias e análises internacionais mais importantes do dia | DW | 15.02.2010
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Mundo

Autoridades belgas confirmam 18 mortes em colisão de trens

Um dos trens teria avançado um sinal vermelho, diz autoridade local. Imprensa belga fala em ao menos 18 mortos e 125 feridos, mas número exato segue desconhecido.

default

Colisão aconteceu nas proximidades de Bruxelas

A promotoria pública de Bruxelas confirmou a morte de 18 pessoas em consequência da colisão de dois trens regionais nos arredores da capital da Bélgica. A imprensa local fala em 125 feridos, mas ainda não há um número oficial.

O acidente ocorreu por volta das 8h30 (horário local) desta segunda-feira (15/02) na localidade de Buizingen, perto da cidade de Halle, a cerca de 15 quilômetros ao sudoeste de Bruxelas.

Um porta-voz das autoridades belgas declarou à agência de notícias DPA que 18 pessoas morreram – 15 homens e 3 mulheres – e disse que os números divulgados anteriormente eram exagerados.

A companhia ferroviária belga SNCB havia divulgado que ao menos 25 pessoas morreram na colisão frontal entre os dois trens de passageiros. O presidente da SNCB, Jannie Haeck, declarou haver 15 mortos num dos trens e 10 no outro, de acordo com a televisão pública francófona RTBF.

Zugunglück in Belgien

Número exato de vítimas ainda é desconhecido

A emissora VRT e o site do jornal De Standaard também afirmaram que o acidente deixou ao menos 25 vítimas fatais. Segundo o prefeito de Halle, Dirk Pieters, ao menos 20 pessoas morreram e pode haver dezenas de feridos. O governador da província de Brabante-Flamengo, Lodewijk De Witte, confirmou a morte de 10 pessoas.

De Witte afirmou que um dos trens teria avançado um sinal vermelho. O outro teria respeitado a sinalização, mas estaria atrasado. Já a SNCB divulgou que a causa do acidente ainda não foi determinada e que havia entre 250 e 300 pessoas nos dois trens.

Vários passageiros ficaram presos no interior dos trens e tiveram de ser resgatados pelos bombeiros. O acidente ocorreu em meio à neve forte que cai sobre boa parte da Europa.

Vários trens, incluindo as linhas para Paris e Londres, foram cancelados nesta segunda-feira.

AS/dpa/rtr/afp/lusa