1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Mundo

Austrália reconhece aborígenes como primeiros habitantes do continente

Após 225 anos do início da ocupação branca na Oceania, Parlamento australiano edita lei reconhecendo direitos dos povos indígenas. Mudança na Constituição será feita no ano que vem.

O Parlamento Australiano aprovou uma lei confirmando que os povos aborígenes são os primeiros habitantes do quinto continente do planeta. A lei foi aprovada em Canberra nesta quarta-feira (13/02). Estima-se que cerca de 500 mil pessoas entre a população de 22 milhões de pessoas se consideram aborígenes. A lei abre caminho para uma mudança constitucional que favorece os povos indígenas.

"Com a mudança na Constituição, feridas profundas da nossa história podem ser finalmente curadas", declarou a primeira-ministra, Julia Gillard.

O líder da oposição, Tony Abbot, disse que os australianos têm a obrigação de "reparar as omissões e a dureza de coração dos nossos antepassados​​, para permitir a todos abraçar o futuro como um povo unido". A mudança na Constituição está prevista para o ano que vem.

Grupos indígenas saudaram a votação parlamentar, que julgaram um importante passo simbólico. A medida foi anunciada cinco anos depois de um pedido de desculpas histórico por parte do governo.

Em 2008, o primeiro ministro australiano, Kevin Rudd, desculpou-se oficialmente pela discriminação dos aborígenes. Ele criticou um modelo que funcionou até os anos 1970, em que crianças eram tiradas dos pais à força para serem criadas em famílias brancas.

Os primeiros brancos foram enviados da inglaterra para a Austrália em 1788. Eles eram prisioneiros expulsos do país.

MSG/dpa/afp
Revisão: Francis França

Leia mais