1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Cultura

Arquitetura verde "made in Germany"

A Alemanha ocupa há muito uma posição de destaque quando se trata de arquitetura ecológica. Uma mostra itinerante em cidades da Europa, Índia e Paquistão revela, até abril de 2006, detalhes do que se tem feito no país.

default

Casa giratória movida a energia solar

As portas do edifício R128 não têm maçanetas. Nem os banheiros do prédio têm torneiras. Um mero aceno de mão basta para que as portas se abram ou para que a água começe a jorrar. Isso graças a sensores sensibilíssimos. Em 2000, o arquiteto alemão Werner Sobek já chamava a atenção em todo o mundo para seu projeto.

Casa completamente reciclável

Das Heliotrop

"Heliotropo"

Embora o design radical do R128 tenha chamado a atenção da mídia, é seu valor ecológico que faz com que Sobek se sinta orgulhoso de seu projeto. Além de ser plenamente transportável, a R128 é completamente reciclável, por ser composta de vidro, aço, alumínio e madeira.

A casa é uma das nove edificações que formam a exposição itinerante Made in Germany: Arquitetura e Ecologia, que deverá percorrer várias cidades na Europa, Índia e Paquistão. Inaugurada em Barcelona – onde poderá ser vista até fins de agosto – , a mostra segue em setembro para Amsterdã. Em outubro e novembro, estará em Riga.

Entre os projetos expostos está, entre outros, um jardim-de-infância, cujas descargas sanitárias nos banheiros utilizam água de chuva. No mais, pode-se ainda ver na exposição um “heliotropo”: uma casa que dispõe de um sofisticado sistema de energia solar, girando em torno de si mesma para melhor aproveitar a luz do sol.

Aspectos econômicos da ecologia

Além dos aspectos ecológicos, os edifícios expostos ainda têm outra coisa em comum: são caros. Porém, a longo prazo, rentáveis. “As instalações solares são amortizadas entre 15 e 20 anos. Tudo isso, mesmo considerando que a construção de casas ecológicas é subvencionada pelo Estado alemão”, assegura Fried Ranft, da empresa Casa, de Aachen.

A Casa dedica-se à arquitetura ecológica, um setor em franca expansão na Alemanha. “As pessoas estão percebendo que esse é um tipo de arquitetura que vale a pena, um bom investimento. Além disso, elas ficam mais satisfeitas consigo mesmas, quando investem na própria qualidade de vida. E sentem-se bem em suas novas casas”, diz Ranft.

Boom de energias renováveis

Sonnenkollektor

Coletor solar

A Alemanha é um dos países pioneiros no setor de arquitetura ecológica. Quem produz energia em sua própria casa, tem a garantia do Estado de que pode vender seu “produto” a preços fixos, durante 20 anos. O resultado é um verdadeiro boom do setor de energias renováveis no país. Segundo o Ministério alemão do Meio Ambiente, este tipo de energia corresponde a 2,9% do consumo energético na Alemanha. A meta é chegar a 4,2% até o ano de 2010.

Leia mais