1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Alemanha

Armstrong perde etapa mas defende camisa amarela

A vitória do escocês David Millar na 13ª etapa da Volta da França não foi suficiente para tirar do tricampeão Armstrong a liderança.

default

O escocês David Millar comemora sua vitória

Cinco ciclistas destacaram-se dos demais, no final dos 171 quilômetros entre Lavelanet e Béziers. À sua frente, o escocês David Millar, que venceu a 13ª etapa da 89ª Volta da França em 4h08m18s, seguido do espanhol David Etxebarria, do holandês Michael Boogerd e do ex-campeão mundial francês Laurent Brochard.

Na classificação geral, a liderança continua com o americano Lance Armstrong, que poupou suas energias para o "gigante da Provença", o Mont Ventoux, de 1912 metros de altura, destino da 14ª etapa, no domingo (21). O tricampeão da Volta da França tem uma vantagem de 2m28s em relação ao espanhol Joseba Beloki, segundo colocado, e de 3m19s em relação ao terceiro, o também espanhol González Galdeano.

Velocistas e montanhistas — O alemão Erik Zabel, da equipe da Deutsche Telekom, ficou em terceiro lugar entre os velocistas, nesta etapa, e perdeu a camisa verde para o australiano Robbie McEwan. Mas promete que a luta pela camisa símbolo dos mais velozes continua.

Entre os montanhistas, o francês Laurent Jalabert não apenas defendeu sua liderança, como aumentou, com seus 167 pontos, a vantagem em relação aos concorrentes, Armstrong (84), Beloki (66) e Dufaux (também 66).

A 14ª etapa, de 221 quilômetros, vai exigir muito dos ciclistas nos últimos 21 quilômetros, quando será preciso vencer uma diferença de 1600 metros de altitude.