1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Copa do Mundo

Arábia Saudita quer se aproveitar do desespero ucraniano

Árabes esperam uma Ucrânia ansiosa para apagar a derrota por 4 a 0 para Espanha. Ucranianos precisam da vitória contra o frágil adversário do grupo H, que, no entanto, arrancou empate contra a Tunísia por 2 a 2.

default

Ucranianos querem esquecer a goleada sofrida na estréia

Arábia Saudita e Ucrânia entram em campo nesta segunda-feira (19/6), em Hamburgo, apresentando projeções diferentes em relação à segunda fase da Copa do Mundo.

Uma vitória leva os árabes aos quatro pontos e dá um empurrão rumo às oitavas-de-final, enquanto um simples empate pode cessar as chances dos ucranianos, antes favoritos do grupo H ao lado da Espanha, de avançarem.

Para manter suas chances, o técnico brasileiro da Arábia Saudita, Marcos Paquetá, disse ter um plano para deter o atacante ucraniano Andriy Shevchenko, que já foi eleito o melhor jogador europeu do ano. "Isso é importante para nós, marcá-lo e tentar anular jogadores-chave. Um deles é Shevchenko".

De acordo com ele, o adversário está desesperado por resultado e isso pode ser uma vantagem. "A situação obriga a Ucrânia a jogar aberto para conseguir um resultado", disse Paquetá.

A Arábia, uma das nove seleções que marcaram presença nas quatro últimas Copas do Mundo, quer pôr fim a uma seqüência de oito derrotas consecutivas em Mundiais, inclusive a derrota por 8 a 0 contra Alemanha, na Copa de 2002.

O técnico brasileiro, que se mostrou satisfeito com a atuação de sua seleção na estréia, espera contar com o atacante Al-Jaber, o único atleta asiático a marcar gols em três Copas do Mundo diferentes e que está se recuperando de problemas físicos.

A Ucrânia, por seu lado, quer compensar a péssima imagem deixada na primeira rodada. Contra a Espanha nada deu certo para a equipe em campo, com o astro Shevchenko isolado no ataque e até o técnico, Oleg Blokhin, acusando os jogadores de falta de atitude.

Blokhin não poderá contar com o zagueiro Vashchuk, que cumpre suspensão, e provavelmente com o meia Oleg Gusev, lesionado no joelho. Também apresentam problemas físicos Andrey Vorobey, que sofreu um golpe em um ombro, e o próprio Andriy Shevchenko.

ARÁBIA SAUDITA x UCRÂNIA

Data: 19/06/2006 (Segunda-feira)

Local: Estádio da Copa em Hamburgo

Horário: 18h (13h de Brasília)

Árbitro: Graham Poll (Inglaterra)
Auxiliares: Philip Sharp e Glenn Turner (ambos ingleses)

Prováveis escalações

Arábia Saudita
Zaid; Ahmed Dokhi, Hussein Sulimani, Al Ghamdi, Montashari; Al Kariri, Noor, Al Temyat, Aziz; Sami Al Jaber e Al Kahtani
Técnico: Marcos Paquetá

Ucrânia
Shovkovsky; Yezersky, Rusol, Dmitro Chingrinsky, Nesmachny; Husin, Tymoshchyuk, Shelayev e Rotan; Voronin e Shevchenko (Rebrov)
Técnico: Oleg Blokhin

Leia mais