1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Economia

Amém online: alemães rezam pela internet

Um mosteiro de capuchinhos de Frankfurt promove a ação "rezar online", oferecendo a seus fiéis uma maneira mais moderna de falar com Deus.

default

Até o Papa João Paulo II já está se familiarizando com o universo online.

A idéia era criar um modo prático e rápido para levar as pessoas a rezar mais, mesmo que, por algum motivo, não possam ir à igreja. A forma é quase a mesma que a das capelas de auto-estrada, onde se entra, lê os livros de orações e faz pedidos ou agradecimentos. A diferença é que isto tudo pode ser feito de casa ou do trabalho; basta ter acesso à rede.

Além do Pai Nosso, são encontradas no site outras orações para diversas ocasiões, fora a variedade de assuntos e novidades que a igreja publica.

Embora quase tudo no século 21 já funcione à base de computadores e internet, seja para fazer compras, contatos, pesquisas ou publicações, o fato de rezar através do monitor pode ser para muitos, que preferem uma missa tradicional, um ato um tanto estranho, que reflete a realidade atual de uma forma artificial. Já para outros, isto é apenas uma questão de acostumar-se à evolução tecnológica e social.

Acendendo a vela virtual

Quem nunca acendeu uma vela virtual, pode fazer isto no site da Igreja Liebfrauen: basta acessar o link " beten online". Com um clique já se tem a aparição figurativa da Ave Maria, ao seu lado fica uma vela, que quando removida com o mouse para perto da Santa, acende automaticamente, um sinal de que se pode escrever os pedidos ou agradecimentos.

O irmão Paulus Terwitte, um dos idealizadores do projeto, ressalta que, sendo a vela cara ou barata, isto não importa para a igreja. O mesmo vale para a vela formada por bytes e bits, até melhor, ela economiza energia e não polui. "O importante mesmo é ter um fórum que possa ser preenchido com vida. O modo não interessa."

Ele confessa que, antes achava a idéia uma bobagem, mas depois convenceu-se de que ela é uma riqueza que faz parte da web.

Na opinião de Holger Lampe, co-produtor do site, as pessoas precisam de um "portal de entrada" para se aproximar de Deus. Por trás dos pedidos, estão a procura, a busca de apoio como também momentos de felicidade e gratidão.

No Brasil este sistema já existe, um dos exemplos é o site dos jesuítas brasileiros.

Um e-mail para Jesus

"Jesus, dê a Hans-Jürgen força e confiança na entrevista de amanhã e esteja presente com o seu espírito, para que tudo corra bem", pede a internauta cristã Elisabeth para o seu querido Hans-Jürgen e, como ela, qualquer pessoa pode lançar seus pedidos pessoais na rede ou agradecer, como a Birgit: "Obrigada, Jesus, por eu poder conversar sobre tudo convosco. Vós me conheceis e sabeis do que preciso, dai-me consolo e novas energias. Eu confio em Vós". A internet aqui serve simbolicamente de contato entre o céu e a terra, criando uma ponte entre Deus e suas ovelhas.

Links externos