1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Alemanha

Alucinógeno leva 29 pessoas a hospital na Alemanha

Polícia suspeita que homeopatas e profissionais de medicina alternativa fizeram experiência coletiva em centro de convenções no norte do país. Pessoas foram encontradas andando a esmo e apresentando sinais de delírio.

Quase 30 homeopatas e profissionais de medicina alternativa foram internados neste fim de semana, depois de provarem de forma experimental uma droga alucinógena em evento num centro de convenções em Handeloh, cidade nos arredores de Hamburgo, no norte da Alemanha

Os especialistas, com idades entre 25 e 55 anos, ingeriram uma droga conhecida como 2C-E, que produziu delírios, cólicas, dor, sensação de asfixia e palpitações. Embora alguns tenham recebido alta, um número indeterminado de pacientes ainda seguia hospitalizado neste domingo (06/09).

Quinze ambulâncias e um helicóptero participaram da operação de socorro. Ao chegarem ao local, na sexta-feira, os serviços de emergência encontraram as pessoas andando desordenadamente, falando coisas desconexas e outros com sinais evidentes de debilidade.

O centro de convenções informou que não era a primeira reunião do grupo, cujos integrantes são originários de Hamburgo. Eles são suspeitos de infringir a lei alemã de entorpecentes, segundo a polícia.

A 2C-E é uma droga alucinógena proibida na Alemanha desde 2014. Trata-se de uma feniletilamina, como as anfetaminas. O uso para fins terapêuticos não é permitido, já que ainda não são desconhecidos os possíveis danos a longo prazo e o seu potencial de provocar vício.

MD/dpa/ap

Leia mais