1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Mundo

Alemanha sem Deisler contra País de Gales

Ainda não será desta vez que Völler poderá contar com todos os jogadores convocados para ir à Copa do Mundo.

default

O armador Deisler deverá ser poupado no teste em Cardiff

Faltando apenas dois jogos preparatórios para a Copa do Mundo, o treinador Rudi Völler ainda não conseguiu montar a Seleção Alemã que estreará no dia 1º de junho contra a Arábia Saudita, em Sapporo, no Japão. Diante da ausência de cinco jogadores do Bayer Leverkusen que fazem, contra o Real Madrid, a final da Liga dos Campeões, na quarta-feira, e a falta de melhora no quadro clínico de alguns contundidos, Völler terá de improvisar mais uma vez para a partida contra o País de Gales, na noite desta terça-feira 14.05), em Cardiff.

Sendo assim, decidiu poupar também o armador Deisler. "Não quero abusar colocando-o para jogar três partidas seguidas, após sua longa contusão", alegou Völler antes da viagem do selecionado para o País de Gales. Sebastian Deisler jogou na quarta-feira passada na goleada amistosa (7x0) sobre o Kuwait, em Freiburg.

Indefinições na zaga – Os principais problemas do treinador estão na defesa, a qual Völler deverá montar nesta terça com quatro homens, experimentando mais uma solução para o desfalque de Jens Novotny, que rompeu recentemente os ligamentos do joelho e não disputará a copa.

Sobre a recuperação do zagueiro Christian Wörns, operado sábado no joelho, a comissão técnica não parece mais tão otimista. Um exame no fim desta semana deverá decidir sobre sua ida ao Japão. Além disto, o lateral direito Marko Rehmer – com um tendão inflamado – teve de adiar novamente seu retorno à equipe.

"Em todo caso, queremos na medida do possível ir nos aproximando da formação que jogará no Japão. Queremos ter uma boa atuação. O País de Gales será um adversário mais sério do que o Kuwait", declarou o treinador alemão, que já cogita de embarcar para a copa sem ter testado o time que pretende escalar contra a Arábia Saudita. "Ainda vamos ver se faz sentido escalar os jogadores do Leverkusen menos de três dias após a final da Liga dos Campeões", disse o ex-atacante da seleção.

Retorno à equipe – Nem só de notícias ruins vive Völler. O meio-campista Dieter Hamann (Liverpool) e o coringa Gerald Asamoah (Schalke) – joga tanto como lateral ou ala direito, quanto como atacante – estão à disposição do técnico após o encerramento do Campeonato Inglês e da decisão da Copa Alemanha no fim de semana.

O lateral esquerdo Christian Ziege possivelmente será liberado pelos médicos, quatro semanas depois de ter a articulação tibiotarsiana operada. "Tenho a esperança de ele poder começar jogando", confessa o treinador, que teve de improvisar um lateral da seleção sub-21 no amistoso contra o Kuwait.

Se esta seleção fora escolhida inicialmente para simular o estilo de futebol do primeiro adversário alemão na copa, a Arábia Saudita, o País de Gales teoricamente deve representar a Irlanda. "Eles jogam muito parecido", garante Michael Skibbe, auxiliar técnico de Völler. O último jogo preparatório para a copa será contra a Áustria, no sábado, em Leverkusen.

Leia mais

Links externos