1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Alemanha

Alemanha registra maior número de arrombamentos desde 1997

De acordo com a polícia, mais de 167 mil residências foram arrombadas em 2015, ou 52% a mais do que dez anos antes. Hamburgo e Renânia do Norte-Vestfália estão entre as áreas mais visadas.

A polícia alemã registrou mais de 167 mil arrombamentos de residências no ano passado, o número mais alto desde 1997, quando foram registrados 182 mil casos, noticiou o jornal Die Welt nesta quarta-feira (30/03), com base em estatísticas oficiais.

Em relação a 2014, houve um aumento de 10%, e essa foi a nona alta consecutiva. Desde 2005, o número de casos subiu 52%. No entanto, os arrombamentos não são algo novo na Alemanha. No início dos anos 1990, os números eram ainda mais altos que hoje, com 227 mil casos registrados somente em 1993.

Em 2015, as ocorrências aumentaram sobretudo em Hamburgo, no norte do país, onde foram registrados cerca de 5.200 arrombamentos de residências – cerca de 20% a mais que no ano anterior. Também houve cerca de 3.700 tentativas de arrombamento na cidade. Segundo a polícia local, os danos causados pelos delitos somam 20,2 milhões de euros.

Também o estado da Renânia do Norte-Vestfália, no oeste do país, registrou uma grande alta no ano passado, de 18,1%, com 62 mil arrombamentos de residências. Dados da polícia mostram que quase metade deles ocorreu entre as 18h e as 21h, e apenas 5,8 mil pessoas responderam na Justiça.

Roubos em alta

De acordo com as estatísticas, o número total de ocorrências registradas pela polícia alemã no ano passado aumentou 4,1% em relação a 2014, somando 6,33 milhões. Quase 40% dos delitos foram furtos.

Os furtos em lojas e os roubos de bolsas e carteiras aumentaram 7,1% e 7%, respectivamente. O número de roubos de carros também aumentou levemente, 0,3%, com 36,5 mil ocorrências. Também foram roubadas 335 mil bicicletas – 1,3% menso do que em 2014.

LPF/dw/ots

Leia mais