1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Copa do Mundo

Alemanha mereceu a vitória, afirma Klinsmann

Em entrevista logo após o jogo entre as seleções da Alemanha e da Argentina, o técnico Jürgen Klinsmann disse que não deixou de confiar na vitória mesmo antes das cobranças de pênalti e elogiou Jens Lehmann.

default

Técnico comparou os instantes finais da partida a um filme de Hitchcock

O técnico Jürgen Klinsmann afirmou que a seleção alemã mereceu a vitória contra a Argentina pelas quartas-de-final da Copa do Mundo. "Lamento pelos argentinos. O jogo foi equilibrado, mas merecemos a vitória", disse.

Ele também elogiou a atuação do goleiro Jens Lehmann na partida, classificando o goleiro do Arsenal como "excepcional".

DW-WORLD : Qual a sua sensação ao vencer a partida das quartas-de-finais?

Jürgen Klinsmann : É fantástico, inacreditável o que está acontecendo com a Alemanha. Isso nos honra muito e é uma sensação maravilhosa. Estamos muito, muito orgulhosos da nossa equipe e de tudo o que aconteceu nas últimas semanas. Principalmente se levarmos em consideração que cinco jogadores poderiam estar jogando na categoria sub-21 e que os jogadores mais velhos deram as coordenadas a eles.

Depois do gol argentino, o senhor ainda acreditava na vitória?

Sempre acreditamos no nosso potencial com o apoio dessa fantástica torcida. Eu estava certo de que responderíamos. Algo se desenvolveu com a nossa reação. Qeremos ser campeões.

Como foram os minutos da cobrança dos pênaltis?

Foi um thriller, como um filme de Hitchcock. No final das contas, os pênaltis são sempre uma questão de nervos e de experiência. Eram as duas melhores equipes do torneio até agora em campo. Eu lamento pelos argentinos. O jogo foi muito equilibrado, mas nós merecemos a vitória.

O senhor também estava seguro quanto ao bom desempenho na cobrança das penalidades?

Sim, eu estava sentindo que a gente iria conseguir. Acreditamos muito nesse goleiro excepcional que é o Lehmann. Como ex-atacante, eu não gostaria de cobrar um pênalti com ele no gol. Ele tem o tato necessário pra prever em que direção o jogador vai chutar. Ele provou isso novamente. Ele segurou duas bolas e por isso estamos na semifinal.

Como serão as coisas a partir de agora?

Vamos curtir um pouco a vitória e continuar olhando para frente. Isso é o mais importante. Ainda queremos vencer duas partidas.

Depois da partida, aconteceu uma pequena confusão entre os jogadores em campo. Como o senhor vê esse tipo de atitude?

Estávamos comemorando e, de repende, vi o Mertesacker estirado no chão. Eu não vi exatamente o que aconteceu. Tudo isso é fruto das emoções que os jogadores estavam sentindo, nada que mereça ser lembrado.

A entrevista foi concedida à agência de notícias SID

Leia mais

  • Data 30.06.2006
  • Autoria (mr)
  • Imprimir Imprimir a página
  • Link permanente http://p.dw.com/p/8hkb
  • Data 30.06.2006
  • Autoria (mr)
  • Imprimir Imprimir a página
  • Link permanente http://p.dw.com/p/8hkb