1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Alemanha

Alemanha deve prorrogar controle de fronteira

Ministro do Interior afirma que cenário atual não permite determinar prazo para fim da fiscalização. Após maio, país teria que consultar demais membros da União Europeia sobre a medida.

O controle de refugiados nas fronteiras na Alemanha, inicialmente programado para terminar em meados de fevereiro, deve ser prorrogado por tempo indeterminado, afirmou o ministro alemão do Interior, Thomas de Maizière nesta quinta-feira (21/01). Diante do intenso fluxo migratório, não há uma perspectiva para o encerramento da medida, disse.

Em entrevista à emissora de rádio MDR, De Maizière ressaltou que, atualmente, quase todo refugiado que chega ao país é registrado no momento da entrada. "Uma distribuição sem registro já não ocorre mais. Também rejeitamos toda pessoa que não têm documentos de viagem válidos e que não entram com pedido de asilo na Alemanha", afirmou.

Segundo a Organização Internacional para a Imigração (OIM), cerca da metade dos requerentes de asilo na Alemanha estão concentrados em apenas três estados do país: Renânia do Norte-Vestfália, com 21%, Baviera, com 16%, e Baden-Württembeg, com 13%. A expectativa para este ano é que essa divisão aconteça nessa mesma proporção.

De Maizière disse que o objetivo da política de refugiados é reduzir significativamente o número de requerentes de asilo que chega ao país. "Em janeiro tivemos, em média, um número menor: em parte, menos de 2 mil refugiados por dia. Isso ainda não é suficiente, e há também o efeito do inverno", acrescentou, ressaltando que o governo alemão defende uma solução europeia para a questão migratória.

O controle nas fronteiras da Alemanha foi reintroduzido no dia 13 de setembro do ano passado, devido ao intenso fluxo migratório que chegava ao país. A medida foi prorrogada diversas vezes e, atualmente, deveria terminar no dia 13 de fevereiro.

Uma porta-voz da Comissão Europeia afirmou à agência de notícias AFP que Bruxelas ainda não recebeu um comunicado oficial de Berlim sobre a prorrogação do controle de fronteira.

De acordo com a Comissão Europeia, a Alemanha pode prorrogar o controle nos moldes atuais por mais três meses. Depois de maio, precisará consultar os países membros da União Europeia, como determina o Acordo de Schengen, que estabelece uma zona de livre-circulação no bloco.

CN/epd/dpa/kna/afp

Leia mais