1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Copa do Mundo

Alemanha derrota China, mas não convence

Os alemães correram muito nos 90 minutos do amistoso contra a China, em Hamburgo, mas tiveram poucas chances diante da retranca chinesa. Gol de pênalti evitou vexame maior. Equipe foi vaiada no final do jogo.

default

Frings (no chão) na disputa com o chinês Sun

Quatro dias depois da derrota para a Turquia, por 2 a 1, em Istambul, a seleção alemã de futebol arrancou apenas um 1 a 0 da China no amistoso disputado em Hamburgo, norte do país, na noite desta quarta-feira (12/10).

Sem ter à disposição o centroavante Klose e o capitão Ballack (ambos gripados), o técnico Jürgen Klinsmann mais uma vez aproveitou para fazer testes com seu plantel, trazendo, por exemplo, Metzelder de volta após mais de dois anos de afastamento por lesão. Os experimentos, entretanto, não agradaram o público, que vaiou a equipe alemã enquanto esta se dirigia aos vestiários, ao final do jogo.

Gol de pênalti
Jürgen Klinsmann Deutsche Fußballnationalmannschaft vor Landesspiel gegen China

Klinsmann não esconde a preocupação com a má fase da seleção

Foi a primeira vez na história do futebol alemão que a Alemanha enfrentou a China, equipe que, aliás, não se classificou para a Copa de 2006 em solo germânico. O único gol do jogo foi marcado por Frings, de pênalti, após falta em Schneider, aos 6 min do segundo tempo. Na cobrança, a Alemanha teve sorte, pois o goleiro chinês ainda tocou na bola.

Apesar de algumas ações bem-sucedidas de Schweinsteiger, Deisler e Schneider, faltou o comando de Ballack no meio-campo.

A também fraca seleção chinesa, com Jia Ji Shao, do 1860 Munique, e Xie Hui, ex-Alemannia Aachen, desperdiçou diversas oportunidades de gol e teria merecido um placar final de 0 a 0.

ALEMANHA 1 X 0 CHINA

Alemanha: Kahn – Friedrich, Mertesacker (Huth), Metzelder, Schneider – Frings, Deisler, Borowski, Schweinsteiger (Hitzlsperger), Neuville (Owomoyela), Podolski (Kuranyi)

Técnico: Jürgen Klinsmann

China: Li Leilei – Wei Du, Li Weifeng, Li Mingyi – Sun Jihai (Liang Wang), Li Tie, Li Yan, Sun Xiang (Bin Zheng) – Zi Zheng (Liang Xu), Jiayi Shao (Cao Yang) – Hui Xie (Dong Fangzhuo e mais tarde Jie Zuo)

Técnico: Zhu Guanghu

Data: 12/10/2005

Local: Estádio do Hamburgo

Árbitro: Lucílio Batista (Portugal)

Gol: Frings (Al.), de pênalti, aos 6 min do segundo tempo.

Público : 48.700

Leia mais