Alemanha contraria UE e não divulga quem recebe subsídios agrícolas | Notícias e análises sobre a economia brasileira e mundial | DW | 01.05.2009
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Economia

Alemanha contraria UE e não divulga quem recebe subsídios agrícolas

Todos os países-membros da União Europeia – exceto a Alemanha – divulgaram a relação dos beneficiados com subsídios agrícolas. Lista inclui a rainha Elizabeth 2ª, o príncipe Charles e empresas como a Nestlé.

default

Com exceção da Alemanha, todos os países-membros da União Europeia (UE) divulgaram até esta sexta-feira (01/05) as listas de pessoas e empresas beneficiadas com os subsídios agrícolas distribuídos pelo bloco. As listas podem ser consultadas no site da Comissão Europeia (clique no link ao final da matéria).

O governo da Alemanha argumenta que decisões judiciais em favor da proteção de dados de agricultores beneficiados impedem a divulgação da lista dos beneficiários no país. A ministra da Agricultura, Ilse Aigner, disse que pretende esclarecer todas as pendências legais em até 14 dias.

Nesta sexta-feira, a Comissão Europeia cobrou da Alemanha que divulgue as informações para os casos em que não há pendências judiciais e disse que o governo alemão deve fazer o possível para eliminar as barreiras que impedem a total transparência de informações sobre os subsídios agrícolas. Do contrário, a Alemanha poderá sofrer sanções.

A comissária europeia da Agricultura, Mariann Fischer Boel, argumentou que se trata de recursos oriundos de impostos e que os contribuintes têm o direito de saber o que é feito com o dinheiro deles. A divulgação da lista de beneficiados é determinada pela legislação europeia.

Elizabeth 2ª e Charles

Prinz Charles wird 60 Bio-Landwirtschaft

Princípes William e Charles

No Reino Unido, a lista de beneficiados com subsídios agrícolas inclui a rainha Elizabeth 2ª, o príncipe Charles e outros membros da realeza britânica. A rainha recebeu mais de 470 mil libras por sua fazenda em Sandringham em 2008. Charles embolsou 181 mil libras no mesmo ano.

Elizabeth 2ª ocupa a posição de número 214 numa relação das pessoas mais ricas do Reino Unido elaborada pelo jornal Sunday Times. O terceiro colocado na lista, o duque de Westminster, com uma fortuna avaliada em 6,5 bilhões de libras, também recebeu subsídios da UE no ano passado: 486 mil libras.

Entre os maiores beneficiados estão gigantes do setor de alimentos, como a Nestlé e a Tate & Lyle, que receberam cerca de 1 milhão de libras cada uma de auxílio de Bruxelas.

Subsídios bilionários

A agricultura é a principal rubrica do orçamento da União Europeia, com cerca de 55 bilhões de euros, ou 43% do total. Desse valor, 37 bilhões de euros são destinados a subsídios e o restante a projetos para o desenvolvimento agrícola.

A Alemanha recebe por ano cerca de 7 bilhões de euros. Entre os beneficiados não estão apenas agricultores, mas também outros proprietários de terras, desde empresas até clubes de golfe. A lista de beneficiados com os fundos para desenvolvimento agrícola foi tornada pública em setembro de 2008 (veja link abaixo). Entre os beneficiários estão conglomerados como a empresa de energia RWE e a Bayer.

AS/dpa/afp
Revisão: Roselaine Wandscheer

Leia mais

Links externos