1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Mundo

Alemão é seqüestrado no Afeganistão

Ministério das Relações Exteriores confirma o desaparecimento de um cidadão alemão no sudeste do país. Imprensa diz que o seqüestro não está relacionado com a ação de grupos terroristas.

default

Soldados da Otan no Afeganistão

O Ministério das Relações Exteriores confirmou nesta quarta-feira (04/07) que um cidadão alemão foi seqüestrado no Afeganistão. Segundo as autoridades alemãs, ele está desaparecido desde quinta-feira passada.

"Pelas informações disponíveis, presumimos que se trata de um seqüestro", disse o porta-voz do ministério, Martin Jäger. Segundo ele, o governo alemão já formou uma equipe de emergência para lidar com o caso. "Estamos muito empenhados numa solução para o caso", comentou.

De acordo com o porta-voz, a pessoa desaparecida não estava trabalhando para o governo alemão nem para organizações alemãs de ajuda humanitária. Ele também não é jornalista. Em relação ao local do seqüestro, Jäger afirmou apenas que não é na região em que estão soldados da Bundeswehr.

Segundo o site da revista Der Spiegel, o homem estava se deslocando a trabalho entre as províncias de Nimroz e Farah, no sudeste do país, quando foi seqüestrado. Ele teria sido vítima de uma emboscada na única estrada da região pela qual ele poderia se deslocar.

Ainda segundo o site, um grupo criminoso sem relações com o terrorismo é responsável pelo seqüestro. Há temores, porém, de que os criminosos possam "vender" a vítima para grupos terroristas caso não haja um acordo. (as)

Leia mais