1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Alemanha

Alemães pedem ordem de mérito a estudante morta após defender jovens

Presidente Gauck estaria avaliando a possibilidade de condecorar postumamente Tugce A. por exemplo de coragem cívica. Ela foi agredida após defender duas garotas que eram importunadas por um grupo de rapazes.

Mais de 140 mil pessoas já assinaram uma petição online defendendo que a estudante Tugce A. receba a Bundesverdienstkreuz, a ordem de mérito da Alemanha. De acordo com a plataforma de petições change.org, o presidente do país, Joachim Gauck, está avaliando a possibilidade.

A jovem foi agredida no estacionamento de um restaurante McDonald's na cidade de Offenbach em meados de novembro, depois de ter defendido duas garotas que eram molestadas por um grupo de rapazes. Após duas semanas em coma, os aparelhos que mantinham Tugce viva foram desligados na sexta-feira passada (28/11), dia de seu aniversário de 23 anos, por decisão dos pais.

O caso comoveu o país, e Gauck enviou uma carta de condolências à família de Tugce, dizendo que sua filha havia mostrado "coragem e engajamento cívico de forma exemplar quando outros teriam desviado o olhar". Gauck afirmou estar consternado e chocado com o crime. "Tugce merece toda a nossa gratidão e respeito. Ela será para sempre um exemplo."

Nesta segunda-feira (1º/12), o tabloide alemão Bild divulgou um vídeo de câmeras de vigilância que mostra a agressão. As imagens mostram Tugce reunida com amigos no estacionamento do estabelecimento. Em seguida, surge um jovem de 18 anos gesticulando e partindo para cima do grupo. Um amigo tenta contê-lo, sem sucesso. No meio do tumulto, ele acerta um soco em Tugce, que cai desacordada. Em seguida, o grupo se dispersa. O agressor, identificado como Sanel M., está em prisão preventiva e responderá por lesão corporal seguida de morte.

Duas principais testemunhas vão à polícia

Mahnwache für Tugce vor Klinik in Offenbach 28.11.2014

Vigília em frente ao hospital em Offenbach onde Tugce ficou duas semanas em coma

As circunstâncias que levaram ao ataque ainda não são claras. Apenas nesta segunda-feira, as duas principais testemunhas prestaram seus depoimentos na polícia de Offenbach, cidade vizinha de Frankfurt. Elas seriam as duas garotas que foram importunadas por alguns rapazes, incluindo Sanel M., na frente do banheiro do estabelecimento. Tugce interveio e as protegeu. Uma ação que, em seu desenrolar, resultou na agressão do lado de fora do restaurante.

O governo do estado de Hessen, onde fica a cidade de Offenbach, também enviou condolências à família. O governador Volker Bouffier afirmou que pedirá ao presidente alemão que Tugce receba a Bundesverdienstkreuz. "Estou profundamente consternado com esse ato de violência e a morte sem sentido dessa jovem", disse.

Não seria a primeira vez que o ordem é entregue a um cidadão alemão que mostrou coragem cívica. O empresário Dominik Brunner também recebeu a condecoração postumamente. Em 2009, ele tentou proteger estudantes de uma tentativa de extorsão e, como retaliação, foi espancado até a morte.

PV/afp/dpa/epd

Leia mais