1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Alemanha

Alaaf! É carnaval!

O carnaval alemão de 2003 teve início nesta quinta-feira, às 11 horas e 11 minutos. Em Colônia, capital da folia, os carnavalescos já saíram às ruas. Até terça-feira, parte do país está em festa.

default

Colônia cai na folia

A folia do carnaval é tradição no oeste da Alemanha. Com o Weiberfastnacht, Dia das Mulheres, começa a festa mais divertida do ano. Os renanos são conhecidos pelo espírito folião e fazem jus à fama. Desde a manhã desta quinta-feira, centenas de pessoas saíram às ruas fantasiadas ou, pelo menos, de cara pintada. Boa parte, estava indo trabalhar, já que oficialmente não há feriado no período de carnaval.

A partir de hoje vale tudo e ninguém acha estranho se encontrar um policial com uma faixa amarela no braço, normalmente usada pelos cegos. Faz parte do humor carnavalesco. Piadas, conversas com desconhecidos, enfim, o jeito reservado do alemão abre espaço à descontração.

Em Colônia, reduto máximo do carnaval germânico, a folia atrai milhares de pessoas. As fantasias dão um colorido diferente à cidade. O ponto máximo da festa vai acontecer na segunda-feira (03/03), chamada de Rosenmontag, com o corso carnavalesco de seis quilômetros de extensão.

Desfile com balas e doces

De acordo com os organizadores, o evento deve reunir pelo menos 1,5 milhão de espectadores, espalhados pelo centro da cidade. Eles irão acompanhar o desfile de 74 carros alegóricos que jogarão aos espectadores cerca de 140 toneladas de doces e balas.

O desfile, vale explicar, não lembra em nada a performance das escolas de samba do Brasil. Cada carro alegórico pertence a um clube ou grupo que escolhe um determinado tema para decorar o veículo e seus ocupantes. Nada de muita sensualidade, afinal o inverno não permite pouca roupa, nem o alemão está interessado em mostrar o corpo. Eles se divertem muito mais com fantasias escrachadas, divertidas ou irônicas. Alguns, entretanto, se empenham em reproduzir personagens da maneira mais fiel possível.

Karneval Altweiber Düsseldorf

Sendo assim, é possível encontrar milhares de palhaços, bruxas, fadas, sem contar com os que preferem incursionar pelo mundo animal, como coelhos, cachorros, leopardos, cães e gatos. A criatividade também não tem limites. Fantasias ecológicas e feitas com material reciclável também estão em alta no carnaval 2003, como um colar de garrafas descartáveis ou uma capa de CDs, porque não?

Mas voltando às balas e doces, carnaval alemão é assim. Diferente. Os foliões gritam " Kamelle" e o pessoal dos carros alegóricos joga balas, ou melhor, atira. E aí, salve-se quem puder. As crianças – e muitos marmanjos – saem à cata dos doces espalhados pelo chão. A maioria leva sacolas para recolher a "féria" do desfile.

Alegria total

O clima, naturalmente, é de alegria total, mesmo que à primeira vista os alemães ainda estejam com a conhecida expressão sisuda. É assim mesmo. Eles estão se divertindo.

Cada localidade prepara seu carnaval de maneira diferente. Em Düsseldorf, haverá uma corrida de homens vestidos de mulheres com a participação de um júri, que terá a difícil tarefa de eleger o concorrente que tiver o decote mais sensual, o salto mais alto e o traseiro mais bonito.

Além disso, na segunda-feira acontece um desfile de bonecos gigantes feitos com papel machê. Seja onde for e seja como for, o importante é cair na folia sem esquecer o grito de guerra do carnaval de Colônia (" Alaaf!") ou de Düsseldorf (" Helau!")

Leia mais

Links externos