1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Al Shabaab

Al Shabaab é uma organização extremista que busca derrubar o governo somaliano para impor um regime islâmico nos moldes da sharia.

Há duas décadas a guerra civil é a normalidade na Somália. Desde que o ditador Siad Barre foi derrubado, em 1991, grupos armados regionais de todo o país lutam pelo poder, e os embates já custaram milhares de vidas. A primeira intervenção da Organização das Nações Unidas, em 1995, fracassou. A União das Cortes Islâmicas (UCI) – aliança formada por esses tribunais da sharia, a lei tradicional islâmica – conseguiu expulsar os senhores de guerra da capital Mogadíscio, e em 2006 assumiu as atribuições governamentais. Além disso, uma ala radical da União ameaçava ocupar a região de Ogaden, na Etiópia. O país reagiu com uma intervenção militar, apoiada pelos Estados Unidos, expulsando a UCI. No entanto, também essa segunda interferência de fora foi vista com crítica por grande parcela da população somali. Foi nesse momento que o pequeno grupo radical Al Shabaab (A juventude, em árabe) se tornou popular, devido a sua resistência.

Ver mais