1984: Inaugurada controvertida pista de decolagem | Os acontecimentos que marcaram o dia de hoje na História | DW | 12.04.2008
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Calendário Histórico

1984: Inaugurada controvertida pista de decolagem

No dia 12 de abril de 1984, foi inaugurada no aeroporto de Frankfurt, após 15 anos de protestos dos moradores, a pista de número 18, mais conhecida como pista de decolagem oeste (Startbahn West).

default

Manifestantes tentam derrubar muro que cercava canteiro de obras da pista

A constante expansão do transporte aéreo obrigou os administradores do maior aeroporto de carga da Europa (o segundo em número de passageiros, depois do de Londres) a planejarem a expansão já na década de 50. Em 1965, o governo do Estado deu luz verde para a construção de uma nova pista de decolagem.

O início das obras, em 1980, foi marcado pelos protestos de ecologistas e iniciativas de moradores que queriam evitar a derrubada de 20 hectares de mata. Para isso, ocuparam o local e construíram 70 barracos de madeira, onde passaram a morar. Em outubro de 1980, a Corte Estadual de Hessen reconheceu a legitimidade da expansão do aeroporto e autorizou a polícia a destruir os barracos, o que aconteceu um ano mais tarde.

Abaixo-assinado

A agressividade da ação policial no "despejo" repercutiu não só na Alemanha. A foto de um repórter sendo agredido a cassetete correu o mundo. As iniciativas civis, no entanto, não desistiram. Em outubro de 1981, entregaram à administração estadual, em Wiesbaden, um abaixo-assinado com 220 mil assinaturas contra a expansão do aeroporto.

Nova vitória do aeroporto na Justiça. Os juristas não reconheceram a queixa dos ambientalistas e autorizaram o começo da ampliação. A partir daí, os conflitos entre polícia e manifestantes na cerca, junto ao canteiro de obras, viraram rotina. As iniciativas civis começaram a se distanciar da causa. No dia 30 de janeiro de 1982, numa das maiores ações de protesto, 90 manifestantes foram detidos e 140 pessoas ficaram feridas.

A inauguração da nova pista, no dia 12 de abril de 1984, foi marcada por forte presença policial. Os protestos prosseguiram, atingindo o auge da violência em 2 de novembro de 1987, seis anos após a destruição dos barracos. O saldo do confronto: dois policiais mortos. A partir daí, o governo do estado de Hessen prometeu agir com maior rigor contra os manifestantes radicais.

A operadora do aeroporto foi obrigada a investir 20 milhões de marcos (cerca de 10% do custo total da obra) para garantir a segurança da nova pista contra manifestantes.