1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Esporte

Élber marca e Marcelinho Paraíba brilha

A mídia alemã dá destaque à atuação de jogadores brasileiros e colocou Marcelinho Paraíba, atacante do Hertha Berlim na seleção da rodada.

default

Élber marca o segundo gol da vitória do Bayern de Munique sobre o Freiburg

Marcelinho Paraíba foi o destaque da vitória do Hertha Berlim sobre o Munique 1860 (3 a 0) e entrou para a seleção da rodada da revista esportiva Kicker, pela terceira vez nesta temporada. O ex-gremista recebeu elogios pela sua movimentação, perigo de gol, técnica aprimorada e belos passes. Foi criticado, porém, pelo excesso de individualismo.

Amoroso entrou no segundo tempo, jogou apenas 21 minutos, deu novo impulso ao ataque do Borussia Dortmund e acabou centralizando as atenções da mídia alemã. Apesar de liderar a artilharia do Campeonato Alemão, com 12 gols, o atacante brasileiro só tem atuado como curinga desde que voltou de férias do Brasil, onde contraiu dengue.

Segundo afirmou a revista esportiva Kicker nesta segunda-feira, o caso Amoroso está causando polêmica no elenco do Borussia Dortmund, time que lidera o campeonato e onde jogam mais três brasileiros: os laterais Dede e Evanílson e o atacante Éwerthon.

Mas o técnico Matthias Sammer defende a recuperação paulatina de Amoroso, pois sabe que ele é a garantia de gols, ao lado de Éwerthon, que marcou o único tento do Dortmund no empate de 1 a 1 frente ao Schalke. Este foi o oitavo gol do ex-corintiano.

Zé Roberto - O Bayer Leverkusen arrancou um empate de 2 a 2 do St. Pauli e o atacante Zé Roberto foi considerado o craque da partida. Ele deu o passe para Kirsten marcar o primeiro gol do Leverkusen, logo aos 6 minutos, e suas investidas pelo lado esquerdo levaram contínuo perigo à defesa do St. Pauli.

Dos demais brasileiros, apenas Élber voltou a marcar pelo Bayern de Munique, fazendo o segundo gol da vitória de 2 a 0 sobre o Freiburg. O atacante paranaense é o vice-artilheiro da Bundesliga, com 11 gols.

Outro brasileiro que mereceu destaque na imprensa alemã, mas por causa de suas más atuações, foi o volante Lincoln, do Kaiserslautern. Lincoln, 23 anos, transferido este ano do Atlético Mineiro, chegou sem muito alarde mas empolgou pelas suas boas atuações, sendo considerado o responsável pela surpreendente campanha do time no primeiro turno.

A má fase de Lincoln, segundo Ratinho, outro brasileiro do Kaiserslautern, deve-se ao rigor do inverno europeu. O volante está sofrendo com o frio e não consegue jogar seu futebol. Ele conta, porém, com a compreensão do técnico Andreas Brehme: "Lincoln aparenta fraqueza; talvez precise de uns dias de folga. Não vamos abandoná-lo, mas ajudá-lo. E ele vai nos dar ainda muita alegria", disse Brehme.`

Campeonato Alemão 2001/2002 (Bundesliga)

Artilharia após a 23ª rodada

  • 12 gols – Amoroso (Borussia Dortmund) e Ballack (Bayer Leverkusen)
  • 11 gols – Élber (Bayern de Munique)
  • 10 gols – Pizarro (Bayern de Munique), Neuville (Bayer Leverkusen) e Maric (Wolfsburg)
  • 9 gols – Marcelinho Paraíba (Hertha Berlim), Aílton (Werder Bremen), Klose (Kaiserslautern) e van Lent (Borussia Mönchengladbach)
  • 8 gols - Éwerthon (Borussia Dortmund) e outros
  • 7 gols – Róbson Ponte (Wolfsburg) e outros
  • 6 gols – Lincoln (Kaiserslautern) e outros
  • 4 gols – Vragel da Silva (Energie Cottbus), Cacau (Nürnberg) e outros
  • 3 gols – Lúcio (Bayer Leverkusen), Marcelo Bordon (Stuttgart) e outros
  • 2 gols – Paulo Rink (Nürnberg), Zé Roberto (Bayer Leverkusen), Marcão (St. Pauli), Paulo Sérgio (Bayern de Munique) e outros
  • 1 gol – Alex Alves (Hertha Berlim), Ratinho (Kaiserslautern), Adhemar (Stuttgart), Brasília (Energie Cottbus) e outros
  • 1 gol contra – Marcelo Pletsch (Borussia Mönchengladbach) e outros

    Artilheiros dos últimos campeonatos:

    • 2000/2001 – Sand (Schalke) e Barbarez (Hamburgo): 22 gols
    • 1999/2000 – Max (1860 Munique): 19 gols
    • 1998/1999 – Preetz (Hertha Berlim): 23 gols