Universidade de São Tomé e Príncipe inaugura Departamento de Língua Alemã | São Tomé e Príncipe | DW | 29.11.2017
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

São Tomé e Príncipe

Universidade de São Tomé e Príncipe inaugura Departamento de Língua Alemã

Além de promover intercâmbio cultural entre os dois países, o novo Centro de Língua Alemã traz grandes vantagens para o setor turístico do arquipélago.

Eröffnung der Deutschen Sprachabteilung an der Universität von Sao Tome e Príncipe (DW/G. Ramusel
)

Entrega de certificados do curso de alemão durante a cerimónia de inauguração do Departamento de Língua Alemã na universidade pública de São Tomé e Príncipe

Nesta terça-feira (28.11), a Universidade Pública de São Tomé e Príncipe inaugurou o Departamento de Língua Alemã. A cerimónia contou com a presença do embaixador da Alemanha no país, Burkhard Ducoffre, e com a diretora de Turismo, Miriam Daio. 

Ouvir o áudio 02:30
Ao vivo agora
02:30 min

Universidade de São Tomé e Príncipe inaugura Departamento de Língua Alemã

Este é o culminar de um projeto que começou em 2015 e já permitiu a três estudantes santomenses viajar à Alemanha, para um intercâmbio cultural. Persiley Neto, engenheiro informático, foi um dos contemplados.

"O estudo foi na Universidade de Münster, uma cidade alemã bastante tradicional, organizada e bonita. Eles não só recebem estudantes africanos, como também estudantes do mundo inteiro. Os professores têm toda uma dinâmica, uma pedagogia, para que os alunos de várias partes do mundo tenham o máximo de aproveitamento”, contou o engenheiro.

O ensino da língua alemã em São Tomé e Principe é hoje um projeto consolidado.

No mesmo dia da inauguração do Departamento de Língua Alemã, o primeiro grupo de alunos a frequentar o curso do idioma alemão com duração de um ano, recebeu seus primeiros certificados.

Investindo no futuro

Eröffnung der Deutschen Sprachabteilung an der Universität von Sao Tome e Príncipe (DW/G. Ramusel
)

A professora de alemão e idealizadora do curso, Diana Cruz, na entrega dos certificados

Luis Afonso, guia turístico, disse que, após ter frequentado o curso de um ano na Universidade Pública de São Tomé e Príncipe, já possui um conhecimento básico de alemão. "A língua”, considerou, "é uma ferramenta fundamental para o meu trabalho”. O guia turístico revelou que quando os alemães vêm ao país, eles preferem visitar Bombaim, uma aldeia que fica localizada no distrito de Mé Zóchi, para fazer observação de pássaros.

Nos últimos anos, a Alemanha tem sido um mercado emissor de turistas para São Tomé e Príncipe. Segundo a directora de Turismo, Miriam Daio, para além de promover o intercâmbio cultural entre dois povos e países, o novo Centro de Língua Alemã na ilha tem grandes vantagens para o sector turístico.

"Estrategicamente, decidimos trabalhar com este mercado, que está em pleno crescimento no arquipélago, porque tem um grande potencial ao nível de mercado emissor de turistas. E São Tomé e Príncipe só faz boa aposta", declarou a directora.

Na Universidade Pública de São Tomé e Príncipe,  o idioma alemão já faz parte do curso de Turismo e Hotelaria. A professora Diana Cruz,  que idealizou o projeto, está radiante com os ganhos alcançados. A próxima meta da professora é estender o curso de alemão para os alunos do ensino primário.

"Agora, começamos o projeto piloto com as crianças do 3º e 4 º anoa da Escola Internacional. Durante este ano letivo, queremos observar quais frutos isso dará para o ensino dentro e fora da escola", informou a professora.

Leia mais

Áudios e vídeos relacionados