1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Moçambique

População moçambicana a crescer, segundo INE

Moçambique tem 28,8 milhões de habitantes, oito milhões a mais que em 2007, de acordo com os resultados preliminares do censo divulgados este sábado (30.12). Província de Nampula é a mais populosa.

Mosambik Stadt Nampula (DW/S. Lutxeque)

Vista parcial da cidade de Nampula

O IV Recenseamento Geral da População e Habitação de Moçambique foi realizado entre 01 e 15 de agosto deste ano.

Segundo os dados preliminares, Moçambique tem uma população total de 28,861 milhões de habitantes, dos quais 15,061 milhões são mulheres e 13,800 milhões são homens. O país africano tem 6,529 milhões de casas e 6,746 milhões de agregados familiares.

Em junho, o porta-voz do Instituto Nacional de Estatística (INE), Cirilo Tembe, tinha afirmado à agência Lusa que as estimativas apontavam para 27 milhões de habitantes - tendo por base dados de 2007 (quando foram contabilizados 20,5 milhões de habitantes). Em 1997, o país contava com 16,1 milhões.

Mosambik Straßen Verkäufer (Ismael Miquidade)

Vendedores de rua, em Nampula

Concentração em Nampula

A província de Nampula é aquela que agrega o maior número de habitantes - 6,102 milhões - com 3,161 milhões de indivíduos do sexo feminino e 2,941 milhões do sexo masculino. Os dados do censo apontam para 1,453 milhões de casas e 1,473 milhões de agregados familiares.

Depois de Nampula, a província da Zambézia é a que regista o maior número de habitantes, 5,110 milhões, com 2,688 milhões de mulheres e 2,422 milhões de homens. Os dados preliminares apontam para 1,190 milhões de agregados familiares e 1,171 milhões de casas.

Na cidade de Maputo, foram contabilizados 1,101 milhões de habitantes, registando um equilíbrio entre homens (529,5 mil) e mulheres (571,6 mil). O recenseamento aponta para 224,7 mil casas e 242,2 mil agregados familiares, na capital.

No que respeita a província de Maputo, foram registados 2,507 milhões de habitantes - dos quais 1,328 milhões mulheres e 1,178 milhões homens, com 613,6 mil casas e 602,9 mil agregados familiares.

Os resultados definitivos do censo serão divulgados em 30 de junho do próximo ano.

Leia mais