1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Moçambique

Governo moçambicano quer que jovens busquem emprego na agricultura

Em Moçambique, organizações ligadas à agricultura e ao Governo incentivam jovens a trabalharem no sector primário para amenizar o desemprego. Mas há críticas ao Governo.

default

Plantação de arroz em Mopeia, na província da Zambézia, Moçambique

Governo de Moçambique e Organizações Não Governamentais ligadas ao setor da Agricultura estão à procura de estratégias comuns para incentivar os jovens a praticar esta atividade.

A primeira estratégia é o desenvolvimento do agro-acampamento que consiste em atrair jovens de ambos sexos para a atividade agrícola.

Joel Cossa é da organização Majoi Agro Services e explica que o objetivo do programa é "alertar os jovens e fazer com que eles olhem para a agricultura como mais uma oportunidade, uma forma de conseguir reduzir o problema de desemprego que afeta mais de 300 mil jovens."

Numa primeira fase a estratágia irá contemplar as províncias de Nampula, Maputo, Manica e Zambézia - envolvendo 250 pessoas. Os jovens poderão adquirir cerca de 150 hectares de terra.

Organizações também incentivam jovens

O diretor da Aro-Moçambique, Policarpo Tamele, uma organização juvenil, referiu que a aposta nos jovens deve ser acompanhada por novos modelos de intervenção.

De acordo com Tamele "a modernização do setor agrícola exige a verificação e conjugação de grupo de fatores como o rejuvenescimento permanente da mão de obra ativa, um sistema eficaz de promoção profissional, aumento da utilização de novas tecnologiais e o equilíbrio ecológico."

Reisproduktion in Chinde, Mosambik

Mulheres na plantação de arroz em Chinde, província da Zambézia

A maior parte dos jovens vive nas zonas rurais. As entidades estão preocupadas com a fuga desta mão de obra para os centros urbanos, o que pode comprometer a gricultura.

Policarpo Tamele, diz que, ao contrário dos megaprojetos, os jovens devem ter mais incentivos fiscais além de outros benefícios.

Ele acha que também é preciso "interagir e haver o envolvimento dos jovens na agricultura com destaque na cadeira de valor agrário, com oportunidades de enveredarem por carreiras compensadoras que possam trazer uma mais valia, tirando partido da energia e empreendedorismo do jovem a fim de conseguir cativa-lo para este setor."

Kleinbauer Mosambik

Nas zonas rurais, a maioria da população vive do que produz nas suas pequenas hortas

Críticas ao Governo

As polítcas do Governo tem sido bem apreciadas por várias organizações, mas também são alvo de críticas porque, na prática, não incentivarem à inserção do jovem no sector.

Mas Daniel Clemente, do Ministério da Agricultura, tranquiliza os jovens: "se vocês forem ver a pauta aduaneira, tem algumas taxas que tem neste momento custo zero. Este é um dos grandes incentivos que o Governo aprovou."

Clemente lembra ainda que "também há outros incentivos em termos de crédito. Há ainda outros exemplo, como o acesso a maquinária e podem haver ideias concretas para este processo."

As entidades ligadas ao setor estão preocupadas com o facto de muitos jovens não se dedicarem a agricultura, por acharem que a atividade é para pessoas mais velhas.

Numa tentativa de convencê-los, o ministério da Agricultura, na pessoa de Daniel Clemente, diz que a partir do momento que muitos jovens se envolverem na cadeia de produção e logística de agro-processamento "haverá um impacto multiplicador."

Na explicação de Clemente, devido ao fato de "muitas pessoas [serem] beneficiadas pelas ações dos jovens, haverá o combate à pobreza, garantia de segurança e da própria riqueza dos jovens."

Em Moçambique, a agricultura é o setor da economia que recebe maior apoio dos parceiros de cooperação, mas é um setor com baixos rendimentos.

Recorda-se que o Presidente Armando Guebuza definiu no início do seu primeiro mandato, em 2005, que a agricultura deveria ser um polo de desenvolvimento do país.

Ouvir o áudio 03:21

Governo moçambicano quer que jovens busquem emprego na agricultura

Leia mais

Áudios e vídeos relacionados