Ex-primeiro ministro são-tomense acusado de lavagem de dinheiro | São Tomé e Príncipe | DW | 12.06.2013
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

São Tomé e Príncipe

Ex-primeiro ministro são-tomense acusado de lavagem de dinheiro

O Partido da Convergência Democrática (oposição) apresentou uma queixa-crime contra o ex-primeiro-ministro de São Tomé e Príncipe, Patrice Trovoada, por alegada implicação num caso de branqueamento de capital

default

Patrice Trovoada

Armindo Aguiar, um dos dirigentes do partido da oposição PCD declarou esta terça-fe à imprensa à saída da Procuradoria-Geral da República (PGR) que existem "fortes indícios" de lavagem de dinheiro envolvendo o ex-primeiro-ministro Patrice Emery Trovoada e o banco comercial de capitais gaboneses BGFI Bank, instalado na praça financeira do arquipélago. " Terá [Patrice Trovoada] transferido para a república gabonesa a quantia de 624 mil euros, ora quando o país tem dificuldades todos os atos de corrupção devem combatidos

Die Küste von Sao Tome und Principe

A costa de São Tomé e Principe é visitada com frequência por traficantes de droga

Ao pedido dirigido à PGR, Armindo Aguiar anexou um documento com timbre e selo branco do gabinete do primeiro-ministro e uma suposta assinatura de Patrice Trovoada. "Espemos que a Procuradoria da República apure a verdade desses factos", acrescenta Aguiar.

A ADI (Acção Democrática Independente), partido do ex-primeiro-ministro, reagiu por intermédio do seu secretário-geral, Levy Nazaré, que considerou ser uma manobra "dos assaltantes do poder" contra o "grande político santomense" com o objectivo "porque vêm aí as eleições, de aniquilar Patrice Trovoada".

Ex-governante ausente do país

Desde Dezembro do ano passado que Patrice Trovoada se encontra ausente São Tomé e Príncipe, apos o seu governo ter caído no parlamento por via de uma moção de censura.
Esta queixa-crime do PCD, partido no poder, vem dar força às declarações do primeiro-ministro Gabriel Costa, que em Janeiro deste ano, anunciou, que o arquipélago é centro de lavagem de dinheiro. "É preciso nós sabermos de onde é que sai tanto dinheiro, entendemos que o nosso Estado não pode correr o risco de ser um narcoestado".

Ouvir o áudio 02:58
Ao vivo agora
02:58 min

Ex-primeiro ministro santomense acusado de lavagem de dinheiro

Leia mais

Áudios e vídeos relacionados