1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Moçambique

Empresários alemães procuram negócios em Moçambique

Governante alemão do estado federado da Saxónia visita Moçambique acompanhado de grupo de empresários e recebe garantias de Maputo de que o país está a "trabalhar muito" em prol da estabilidade.

O vice-primeiro-ministro e ministro da Economia do estado federado alemão da Saxónia, Martin Dulig, iniciou na segunda-feira (10.04) uma visita oficial de três dias a Moçambique para aprofundar as relações entre as duas partes. Dulig faz-se acompanhar de uma comitiva de dezoito pessoas, incluindo homens de negócios.

Martin Dulig, stellvertretender Ministerpräsident des Freistaats Sachsen

Martin Dulig: "Levamos para a casa a mensagem de que Moçambique está a trabalhar muito"

O governante alemão encontrou-se, na segunda-feira, com a ministra dos Recursos Minerais e Energia, Letícia Klemens, e com o ministro moçambicano dos Negócios Estrangeiros, Oldemiro Baloi.

"Moçambique está a enfrentar desafios muito grandes. Falámos com o ministro dos Negócios Estrangeiros e levamos para a casa a mensagem de que Moçambique está a trabalhar muito nesta área", afirmou Dulig. "Também nos encontrámos com a ministra dos Recursos Minerais e decidimos que iríamos continuar com a nossa cooperação na área da mineração, sobretudo no domínio da segurança mineira, que estará no centro das atenções."

Oferta de equipamento

Moçambique e o estado da Saxónia estão ligados através de um projeto para melhorar a segurança no setor mineiro, com o objetivo de criar serviços de resgate e sistemas de proteção contra gases nas minas.

Ouvir o áudio 02:30

Empresários alemães procuram negócios em Moçambique

Neste âmbito, o governante alemão ofereceu equipamento para treinar equipas de resgate em caso de acidentes numa mina.

"Moçambique é um país com um potencial muito grande, com muitas oportunidades que devem ser aproveitadas no futuro", reiterou o governante alemão, em Maputo. "Para isso, é muito importante que todos assumam as suas responsabilidades. Até agora, fiquei muito entusiasmado com aquilo que vi aqui. Mas também vi que há bastantes obstáculos e nós todos temos que trabalhar juntos para os superar."

Dulig participou ainda num encontro que envolveu homens de negócios de Moçambique e da Alemanha.

Eduardo Sengo, Stellvertretende Direktor des Verbandes der Wirtschaftsvereine in Mosambik

Eduardo Sengo: Conhecimentos em engenharia e mineração "interessam a Moçambique"

Os empresários moçambicanos dizem estar interessados no "know-how" alemão: "Este grupo empresarial vem de uma zona que é reconhecida a nível mundial ao nível da engenharia, indústria automóvel, equipamento e exploração mineira - estes são aspetos que interessam ao país", afirma Eduardo Sengo, diretor-adjunto da Confederação das Associações Económicas de Moçambique (CTA).

"Com o setor da indústria mineira e do petróleo e gás em crescendo em Moçambique, precisamos de estar sempre em contacto com realidades que já têm alguma experiência em lidar com esses setores", concluiu Sengo.

Leia mais

Áudios e vídeos relacionados