1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Internacional

Drones vão transportar medicamentos na Tanzânia

Na Tanzânia, drones serão usados para transportar medicamentos e facilitar assistência em áreas de difícil acesso por causa das florestas, desertos e pouca infraestrutura. País segue modelo de outros governos africanos.

O Governo da Tanzânia, em parceria com a empresa norte-americana de logística Zipline, trabalha para lançar, já no primeiro trimestre de 2018, o que classificam como o maior serviço do mundo para entrega de suprimentos médicos de emergência.

Segundo o secretário no Ministério da Saúde, Desenvolvimento Comunitário, Género, Idosos e Crianças da Tanzânia, Mpoki Ulisubisya, o serviço será fundamental para suprir as necessidades da população.

"Dois mil medicamentos ajudarão mais de dez milhões de pessoas pelo país. São dados muito positivos num país com grandes desafios. Há milhões de pessoas afetadas por desastres que precisam de serviço médico de emergência. Há sempre muita procura", afirmou à DW África.

Tansania - Krankenhaus

Ideia é também ajudar mulheres com complicações durante o parto

Chuvas e secas drásticas

A assistência será fundamental para fornecer medicamentos nas épocas em que a procura aumenta inesperadamente ou quando há fortes chuvas e secas. 

O objetivo é também responder a pequenas necessidades, mas nem por isso menos importantes, afirma Laurean Bwanakunu, diretor-geral do Medical Stores Department (MSD), um departamento do Ministério da Saúde tanzaniano.

O secretário do Ministério da Saúde, Mpoki Ulisubisya, acrescenta que "o serviço será usado para, por exemplo, ajudar mulheres com complicações durante o parto." 

Além de beneficiar crianças, também ajudará a entregar medicamentos nos casos de pessoas mordidas por cobras, explicou Ulisubisya. "Os medicamentos serão entregues com rapidez, por isso optamos por implementar essa tecnologia no país", explica

Crises humanitárias

Ouvir o áudio 02:56

Drones vão transportar medicamentos na Tanzânia

Os desertos e florestas tropicais africanos, além das chuvas constantes ou secas drásticas, já fizeram o Banco Mundial considerar o continente como aquele com "a pior infraestrutura entre as regiões em desenvolvimento".

Além da infraestrutura precária, com estradas rurais raramente pavimentadas, o acesso à eletricidade é escasso em muitos países - e diminui cada vez mais.

África tem enfrentado algumas das piores crises humanitárias do mundo. Entretanto, a velocidade e o espaço limitado dos drones faz com que pequenas mas efetivas quantidades de medicamentos cheguem às populações necessitadas.

Desde outubro de 2016, a empresa "Zipline" oferece serviços similares com drones no Ruanda, transportando sangue para clínicas de transfusão. O secretário do Ministério da Saúde da Tanzânia, Mpoki Ulisubisya, também garante o benefício para tanzanianos engajados no projeto, que “será importante para o ímpeto de inovação no país”. 

Leia mais

Áudios e vídeos relacionados