1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Angola

Alemanha é o convidado especial da FILDA em Angola

Cerca de 800 expositores de 40 países, entre eles a Alemanha, participam na 32ª. edição da Feira Internacional de Luanda (FILDA). Paralelamente ao certame decorre o fórum de negócios Angola-Alemanha.

Em tempos de crise, Angola aposta na maior feira de negócios do país. Esta terça-feira de manhã (21.07), o Jornal de Angola titulava que a Feira Internacional de Luanda (FILDA) deste ano “bate todos os recordes”.

O Estado angolano investiu cerca de 250 milhões de kwanzas (cerca de 1,8 milhões de euros) nesta edição, a 32ª.

Estão presentes cerca de 800 expositores de 40 países, incluindo o Brasil, a China e Portugal. A Alemanha é o convidado especial. Os alemães bateram também o seu próprio recorde – este ano, 28 empresas alemãs estão presentes na FILDA.

Angola, 6. Deutsch-Angolanisches Business Forum

Sessão do Fórum Angola-Alemanha em Luanda

Para estreitar laços e no sentido de “ampliar” as relações comerciais entre Angola e a Alemanha, a secretária de Estado parlamentar do Ministério alemão da Economia e Energia, Brigitte Zypries, veio até Luanda e trouxe consigo uma delegação empresarial, não só para a feira internacional mas também para o 6º Fórum Económico Alemão-Angolano, que se realiza em simultâneo no Hotel de Convenções de Talatona.

Empresários alemães discutem oportunidades de negócios

Ao longo dos dois dias do Fórum, que termina oficialmente esta quarta-feira (22.07), dezenas de empresários alemães irão debater oportunidades de negócios e desafios nos setores da energia, saúde, indústria e infra-estruturas, por exemplo.

Em tempos de crise devido à baixa dos preços do petróleo a nível mundial, a diversificação da economia será um tema transversal a todo o Fórum.

Ouvir o áudio 04:01

Entrevista com o enviado especial da DW-África a Luanda

Na quinta-feira (23.07), uma delegação empresarial alemã vai até à província de Malanje. Nos próximos anos, as autoridades provinciais esperam aumentar a produção e exportação de alimentos através de investimentos em projetos agro-industriais.

A FILDA prolonga-se até 26 de julho sob o lema “Dinamismo, criatividade e competência na produção nacional”.

Leia mais

Áudios e vídeos relacionados